Páginas

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Desafio de hoje: 31/01/2013

Usar um acessório que você nunca usa.

brincos, pulseira, relógio, cinto, anel, presilha de cabelo, etc.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Oração do Emagrecimento

Deus criou o alimento como fonte de vida, não como meio de escravidão.
Senhor meu Deus, obrigada pela minha vida,  e pelo corpo que o Senhor me deu.
Obrigada pela saúde e pelas coisas boas da vida.
Com a sua ajuda, quero ter sabedoria e domínio próprio para com a minha alimentação.
Deus tire de mim toda a ansiedade, insatisfação, medos ou fobias que das muitas vezes me levam ao refurgiar-me no comer exagerado.
Ajuda-me a ter o peso ideal para com a minha altura.
Arranque de mim todo descontrole emocional e alimentar.
Pai,eu quero ter um corpo sadio e uma mente equilibrada para que o Senhor habite em mim e que eu possa refleir o teu Santo Espírito através da minha vida.
Libertar-me de toda obesidade e de todo descontrole hormonal, equilibre o meu metabolismo e abençoe todo o meu ser.
Em nome do Senhor Jesus, amém!
 

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Desafio de Hoje:23/01/2013 escolher uma música que gosta e ouvi-la pelo menos 3 vezes hoje!

Emagreça 2 quilos


Emagreça 2 quilos por semana caminhando 40 minutos por dia

Prefira a caminhada ao ar livre à esteira. A atividade fora de casa é mais estimulante e prazerosa

Publicado em 23/01/2013
Fernanda Cataldi
Conteúdo do site ANAMARIA
Leve uma garrafinha e beba água antes, durante e depois dos exercícios
Foto: Dreamstime
Como se não bastasse a privação de doces e outras gostosuras, a dieta vem combinada com exercícios rigorosos que você nunca fez na vida. É complicado. Mas, se você é do time que nunca pegou pesado na malhação ou na academia, saiba que uma boa porta de entrada para as atividades físicas é a caminhada.
''É uma atividade simples, gratuita, fácil e, além de melhorar o físico, ajuda a levantar a autoestima'', diz Marco Antonio Ambrósio, ortopedista e médico do esporte do Hospital Samaritano, de São  Paulo. E o resultado é rápido!
''Especialmente na disposição e no emagrecimento'',  afirma a nutricionista Paula Fernandes Castilho, da Sabor Integral Consultoria em nutrição, de São Paulo, que criou um cardápio para quem vai caminhar (veja abaixo).
Dá pra perder até 2 kg por semana! Vale lembrar, no entanto, que não basta sair para andar. É preciso saber o que comer antes da caminhada, o modo certo de caminhar e, claro, aliá-la a uma dieta balanceada. Ana Maria foi atrás de um time de especialistas para ajudá-la nessa caminhada de sucesso. ''Bora'' calçar o tênis?

O que comer antes e depois da caminhada

Forre o estôamgo antes: O ideal é fazer uma refeição leve uma hora antes da caminhada. ''Assim, você evita o mal-estar e a má digestão'', orienta a nutricionista Tereza Cibella, da Equilibrium Consultoria, de São Paulo. Uma fruta ou uma fatia de pão integral com queijo ou geleia são boas opções.

Não exagere depois: Mesmo que a caminhada tenha sido curta, se você estiver com fome, não cometa exageros. Logo depois de uma atividade física, o ideal é fazer um lanche mais leve. ''Dê preferência a um sanduíche com pão integral, uma carne e uma verdura'', ressalta a nutricionista.

Sugestão de cardápio

Pensado especialmente para quem vai realizar caminhadas intensas, o cardápio criado pela nutricionista Paula Fernandes Castilho tem 1.200 calorias.
Café da manhã
· 1 copo de leite de soja batido com morangos e 1 colher de gérmen de trigo. Comece o dia com a dose certa de vitaminas e sais minerais.
· 2 fatias de pão preto com 1 colher (chá) de margarina light. Carboidratos dão pique de manhã.
· 1/2 manga. Com betacaroteno e fibras, a fruta protege as células.

Lanche
· 1 copo de suco de laranja com beterraba. Com vitamina C e ferro, esta mistura faz bem para quem pratica alguma atividade física.

Almoço
· 1 prato (sobremesa) de salada de couve, cenoura e pera em cubos. Rica em fibras, dá sensação de estômago cheio.
· 1 bife magro grelhado com cebola. A carne tem ferro e evita anemia. A cebola age contra infecções.
· 3 colheres (sopa) de arroz integral + 1 concha pequena de feijão-preto. Juntos, eles fornecem nutrientes como carboidratos e proteínas.
· 2 kiwis. Tem vitaminas e minerais que atuam contra a indisposição.
Lanche
· 1 copo de suco de caju. A fruta ajuda a hidratar o organismo e é fonte de vitamina C.
· 2 biscoitos tipo maisena com 1 colher (sopa) de geleia de uva. Esta combinação fornece  carboidratos e compostos antioxidantes.

Jantar
· 1 prato (sobremesa) de salada de alface com cenoura, beterraba e tomate. O prato reúne fibras, vitaminas e minerais.
· 1 hambúrguer grelhado. Garante proteínas para reparar a musculatura.
· 3 colheres (sopa) de purê de mandioquinha. Possui potássio, um aliado dos músculos.
· 1 taça de morangos picados. Fonte de vitamina C, a fruta é um potente antioxidante e contém compostos fotoquímicos que reduzem os riscos de doenças cardíacas e câncer.

Ceia
· 1 xícara de chá de erva-doce. Esta erva tem ação digestiva.

O caminho certo a seguir!

Dicas do ortopedista Marco Antonio Ambrósio para você não errar na caminhada

· Pratique ao menos 40 minutos por dia, quatro vezes por semana.
· Caminhe de preferência pela manhã, ao final da tarde ou à noite, quando o calor é menos intenso.
· Use roupas confortáveis e leves, adequadas à estação do ano.
· Calce tênis com amortecimento e de acordo com o formato do seu pé e tipo de pisada.
· Prefira caminhar sobre a terra ou grama, que exigem mais esforço e possuem menos desníveis do que a calçada, evitando lesões.
· Ouça música ou caminhe acompanhada. Assim é bem mais estimulante.

Caminhar faz bem porque...

· Aumenta a disposição.
· Faz você dormir melhor.
· Ajuda no controle do diabetes.
· Melhora a capacidade cardíaca e pulmonar.

sábado, 19 de janeiro de 2013

Desafio de Hoje: beber 2,5 litros de água!

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

Provação

Saí para evangelizar e na volta liguei para casa e perguntei para o meu marido o que eles queriam comer? Ele me responder: Eu não sei, estou estudando! Eu falei: Quer que eu passe no mercado e compre um queijo branco? Ele respondeu: Não precisa, não se preocupe com comida. Eu: Ok, comeremos sanduiche de atum.

Ao chegar em casa meu filho perguntou-me o que iríamos comer, eu respondi sanduiche de atum ele imediatamente falou, acho que vou comer o macarrão do almoço, eu prontamente estava aquecendo o macarrão e preparando meu sanduiche de atum com pão integral+alface+tomate+requeijão+beterraba ralada. Quando ele me chamou e disse-me: Olhe o que tem no forno. Ao abrir o forno me deparei com uma ENORME PIZZA DE MUSSARELA COM TOMATE, que decepção e ao mesmo tempo feliz porque iria comer meu sanduiche.

Foi o que fiz devorei meu sandubão maravilhoso e eles estão se jacando na PIZZA, eu não quero esse demônio redondo amarelo no meu corpo.

Estou satisfeita pois nem senti vontade de beber refrigerante, tomei um sufresh de uva light, e para finalizar hoje faz 45 dias sem uma gota de refri na boca.

Boa noite a todos e na luta pelo emagrecimento.

Qual alimento você prefere?
Pizza de mussarela
Sanduiche de atum

Desafio Boa Menina 20013

Desafio de Hoje: passar batom e manter (retocando) durante o dia todo!

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Nova teoria promete revolucionar as técnicas para emagrecer

Sentindo suas roupas mais justas após festas de fim de ano? Embora seja fácil culpar sua falta de força de vontade e o sedentarismo, um especialista em obesidade dos EUA, afirma que o ganho de peso não pode ser culpado por tudo. 
Em seu novo livro, Robert Lusting, professor de clínica pediátrica da Universidade da Califórnia, traz uma nova teoria científica. Para ele, segundo o jornal Daily Mail, o impulso de comer demais e a vontade de ficar sem fazer nada não é um sinal de fraqueza e sim um problema hormonal, desencadeado pelo excesso de consumo de açúcar.
De acordo com Robert, o hormônio leptina funciona como um termostato de apetite. Enquanto ele age diminuindo a fome a grelina é o hormônio que aumenta o apetite. Quando a pessoa comeu o suficiente suas células de gordura liberam leptina, que informa ao cérebro que já é hora de parar de comer. E segundo Robert, é justamente este o processo afetado pelo doce.
Truques do açúcar no cérebro
Por muitos anos, os cientistas acreditavam que a obesidade pode ser causada por uma falta de leptina, sem os níveis adequados do hormônio as pessoas com excesso de peso simplesmente nunca recebiam a mensagem de que já estavam cheios. No entanto, estudos mais recentes mostraram que pessoas obesas têm leptina em abundância (aliás, quanto mais gordo, mais você parece possuir), mas parecem ser mais propensas a ter resistência a esse hormônio.  
Isso significa que as células no cérebro que deveriam registrar a leptina não conseguem ler os sinais de que o corpo está satisfeito, assumindo que a pessoa está com fome não importa o quanto já tenha comido. Com isso, o cérebro orienta o organismo a armazenar mais energia aumentando o desejo por alimentos gordurosos e ricos em açúcar. O cansaço e falta de vontade de se levantar do sofá para qualquer coisa também são formas de armazenamento.
O desejo por comida se torna ainda mais irresistível porque a leptina deveria amortecer a sensação de prazer e satisfação que você sente a partir da alimentação, suprimindo a liberação de dopamina. Uma vez que a leptina não faz seu trabalho os alimentos não deixarão de parecer deliciosos independentemente do consumo. “Por isso, muitas pessoas acima do peso acham tão difícil parar de comer e as dietas falham”, diz Robert.
O hormônio da fome
Cientistas vem lutando para descobrir o que causa a resistência à leptina. E, de acordo com as pesquisas de Robert, o excesso de açúcar na dieta é o culpado. Segundo ele, para limpar o açúcar do sangue e armazenar gordura o corpo produz picos hormonais, que quando ocorrem com muita frequência podem levar a uma resistência à insulina. Robert acredita que essa condição pode levar em seguida à resistência à leptina. Segundo ele, a redução dos níveis de insulina é possível melhorar a capacidade do cérebro de ler insulina, brecando os impulsos por consumo excessivo de alimentos ajudando na perda de peso.
Em seu novo livro Robert defende que a resistência à leptina e açúcar são as raízes da epidemia de obesidade. Ele acredita que 1,5 bilhão de pessoas com excesso de peso ou obesas sofrem desta condição no mundo, e está convencido de que o problema pode ser resolvido através de direcionamento de insulina.
Durante suas pesquisas muitos pacientes tomaram medicamentos de redução de insulina, porém os resultados alcançados foram semelhantes aos alcançados pelas pessoas que fizeram algumas pequenas mudanças de estilo de vida, como uma notável diminuição do consumo de açúcar.  
Por que um chocolate nunca é suficiente
Os doces e alimentos processados, muitos disfarçados sob etiquetas que apontam para baixo teor calórico, possuem qualidades viciantes, especialmente àqueles com resistência à leptina. “Quando comemos a dopamina é liberada criando uma sensação de prazer”, explica Robert. Em seguida, a leptina passa a ser liberada para suprimir a dopamina, fazendo com que o alimento se torne menos gosto para que paremos de comer.
No entanto, esse processo pode apresentar falhas. Depois de um longo período de consumo as células do cérebro passam a ser mais tolerantes a dopamina, fazendo com que você precise de uma quantidade cada vez maior de comida para conseguir o mesmo nível de prazer e satisfação.
Uma grande mentira
A sabedoria tradicional culpa o consumo de gordura pelo aumento de casos de obesidade. Porém, segundo Robert a realidade é um pouco diferente. “Obesidade é um problema hormonal e modificável”, defende. Para contornar o excesso de peso ele recomenda medidas simples. Confira:
Coma apenas uma sobremesa por semana
Ao cozinhar, reduza o açúcar usando apenas um terço da quantidade que está acostumada. Já a sobremesa deve ser um momento de prazer que você tem uma vez por semana.
Fibra leva à perda de peso
A fibra é uma arma contra o excesso de peso. Isso porque o sistema digestivo precisa trabalhar para retirá-la do alimento, evitando picos de glicose. Isso faz com que menos insulina seja liberada diminuindo o armazenamento de energia na forma de gordura. A digestão também se torna um processo mais lento que dá ao corpo mais tempo para registrar que você está cheio.
Faça exercícios de 15 minutos por dia
A atividade física sozinha não gera uma perda de peso significativa, ao menos que haja uma mudança na alimentação. Porém, segundo Robert, 15 minutos de exercício por dia já é suficiente para melhorar a sensibilidade à insulina e transformar massa gorda em magra. A diferença na balança pode não ser tão significativa, mas sua saúde agradece.
Coma como sua avó
Cuidado com alimentos industrializados. "Não coma nada que sua avó não reconheceria. Se o alimento tem um logotipo da empresa que você ouviu falar, ele é processado", defende Robert.
Não coma em pé
"Comer em pé significa que você vai estar comendo rápido, sem tempo para que os sinais de saciedade sejam codificados", diz Robert. Tente incluir algum tipo de proteína a cada refeição para retardar o processo digestivo e diminuir o risco de picos de insulina. Evite também alimentos que contenham apenas gordura, carboidrato e açúcar.

Desafio de Hoje: jantar em um prato menor ou de sobremesa.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Desafio de Hoje: pelo menos 20 minutos de atividade física!

O meu eu fiz 1h10m de caminhada com trote.

Segunda semana

Bom dia a todas.

Hoje menos um dia, comecei bem caminhando 1 hora e 10 minutos até arrisquei na corridinha, cheguei em casa super vermelha, meu rosto parecia um coração de tão vermelho que ficou, mas valeu a pena.

Com carinho e na torcida por todas que querem eliminar alguns kilos ou muitos kilões em 2013.

Meta para 2013 eliminar 20kg, mas se eu conseguir jogar fora pelo o menos 12ks, ou seja, apenas 1k por mês já estarei feliz. Entretanto vou mirar à lua para acertar quem sabe o poste.

Boa eliminação de peso a todas.


terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Limpar a casa por dez minutos é suficiente para perder peso

Quem se exercita é mais magro e tem colesterol reduzido, diz estudo

Imagem ilustrativa / Foto: Getty Images
Por Renata Demôro


A falta de tempo não é mais desculpa para não se exercitar. De acordo com um estudo da Universidade de Boston, dez minutos de exercícios é tudo que você precisa para ver a diferença na balança e saúde. E isso não significa que você precisa fazer matrícula na academia mais próxima. Fazer faxina na casa ou ir a pé para o trabalho já são suficientes para ajudar a emagrecer e reduzir as taxas de colesterol. Segundo os pesquisadores, cortar grama e pescar ainda podem reduzir o risco cardíaco.

Exercícios de curta duração causam impacto positivo na saúdePara chegar a estas conclusões, os pesquisadores analisaram mais de 2.100 voluntários enquanto praticavam exercícios. Entre eles, mais da metade estava acima do peso. Eles usaram um aparelho chamado acelerômetro, que permitiu acompanhar toda a evolução da atividade. Os resultados mostraram que, em comparação àqueles que não praticaram nenhum tipo de exercício, todos os que praticaram atividades curtas apresentaram menor peso e colesterol reduzido. Entre as atividades estão caminhada, faxina, natação, limpeza da garagem e outras práticas do dia a dia. 

Clique aqui e calcule o seu IMC

A atividade física de curta duração também representou impacto positivo sobre os fatores cardiovasculares nas mulheres, prevenindo doenças do coração. Nos homens ele também existe, mas em menor escala. De forma geral, praticar dez minutos de atividades intensas produziu os mesmos efeitos benéficos sobre a saúde e o peso dos voluntários quando em comparação a exercícios de longa duração.

Recomendação semanal de atividade física não foi alterada

Para os cientistas, o estudo pode funcionar como um incentivo para quem acredita que não tem tempo suficiente para praticar exercícios. Apesar da descoberta, a recomendação dos especialistas continua sendo de duas horas e trinta minutos de exercícios por semana para homens e mulheres.

Balança

Bom dia para todoas!

Entre hoje e amanhã vou comprar uma balança para poder me pesar em casa, assim saberei o que deu certo e o que não deu na pesagem, muitos dizem para pesarmos apenas 1 vez por semana na mesma balança, porém eu já tive a experiência anterior e conseguia controlar mais o meu peso.

Hoje não deu para caminhar, só chove!


Twitter pode funcionar como 'grupo de apoio' e ajudar usuário a emagrecer, afirma estudo

Do UOL, em São Paulo
  • Participantes do estudo usaram Twitter para receber informações e apoio de outros voluntários Participantes do estudo usaram Twitter para receber informações e apoio de outros voluntários
Um estudo da Universidade da Carolina do Sul afirma que o Twitter pode ajudar seus usuários a emagrecer – isso porque o microblog, segundo os pesquisadores, funciona como um sistema valioso de apoio entre aqueles que querem perder peso.

"Aqueles que utilizaram o Twitter regularmente como parte de um programa de perda de peso emagreceram mais", afirmou a pesquisadora Brie Turner-McGrievy, do Departamento de Promoção da Saúde, Educação e Comportamento da Escola Arnold (Universidade da Carolina do Sul). Nesses casos de mais sucesso, ela afirma que o Twitter foi usado como ferramenta de apoio entre os participantes, que se ajudavam com as atualizações no microblog.
"As intervenções tradicionais para perda de peso geralmente oferecem apoio semanal, em reuniões presenciais. Sabemos que isso é eficaz, mas é caro e pode criar uma obrigação [no sentido negativo] para os participantes. O apoio via redes sociais online pode representar uma forma mais barata de atingir um grande número de pessoas que querem chegar a um peso saudável", afirmou.
O estudo
No total, 96 homens e mulheres acima do peso – alguns obesos -- participaram do estudo durante seis meses. Todos deveriam ter ao menos um eletrônico com acesso à internet (iPhone, iPod touch, Blackberry ou aparelhos Android). Alguns dos voluntários deveriam ouvir podcasts, enquanto outros associaram esses arquivos de áudio a um aplicativo e também postagens no Twitter.
O estudo consistia em dois podcasts de 15 minutos por semana, nos três primeiros meses, e dois podcasts de cinco minutos por semana, do terceiro ao sexto mês. Esses arquivos continham informações sobre nutrição e exercícios, por exemplo.  O grupo com a atividade extra baixou um aplicativo de monitoramento de atividade física e também o aplicativo do Twitter em seus smartphones.
No final de seis meses, todos perderam em média 2,7% de seu peso – a turma de usuários da rede social, no entanto, apresentou melhores resultados. O material de divulgação do estudo aponta que os tuiteiros tiveram mais sucesso, sem especificar quanto. Diz apenas que foram 2.630 tuítes durante seis meses e que, na média, cada dez tuítes corresponderam a uma perda de 0,5% do peso.
Twitter
Os voluntários do estudo se seguiam no Twitter, para que pudessem oferecer e receber apoio dos outros participantes.  Eles deveriam se logar diariamente e ler os posts, para assim receber tuítes de seus parceiros e de um conselheiro (nas duas mensagens diárias, esse profissional reforçava o conteúdo dos podcasts e estimulava a interação entre os participantes do estudo).
Cerca de 75% dos 2.630 tuítes foram considerados informacionais, sendo alguns deles da categoria "ensinamento" (quando os usuários divulgavam fatos ou experiências). Dentro dessa categoria, o tipo de texto mais comum era aquele em que o usuário divulgava alguma situação (status), como "evitei comer um doce hoje de manhã em uma reunião".

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Benefícios do chá verde




Os benefícios do chá verde para a saúde são muito. O chá verde contém cerca de 30% de catequinas, que são ditas ter o potencial de cura elevadas. Beber chá verde em quantidade moderada 2-3 vezes por dia pode prevenir doenças cardíacas e também reduzir os riscos de câncer. Rico em EGCG (epigallocatechilgallate), um poderoso antioxidante, o chá verde mata células cancerosas sem afetar as destrutivas outros tecidos do corpo saudável. coágulos sanguíneos anormais em feridas são também eficazmente prevenida através de EGCG, que é porque beber chá verde é muito recomendado.

Outro grande benefício do chá verde e que ele também tem um efeito calmante sobre o sistema nervoso central, mantendo os níveis de pressão arterial sob controle e reduzir o estresse geral. A ingestão de chá verde em uma base regular também é dito para evitar doenças neurológicas, como Parkinson e Alzheimer, em grande medida. Estudos também mostraram que o chá verde diminui o colesterol LDL, responsável por causar doenças cardíacas, de forma eficaz.

O chá verde também pode ser muito Importante no auxilio de dietas e emagrecimento, pois tem ação desintoxicante, digestiva e diurética
Pode ser consumido quente ou gelado e nos dias de hoje encontramos várias opções de bebidas prontas que possuem em sua base o chá verde.

Força de vontade

11 janeiro 2013 | 6 comentários
Pensei muito, muito mesmo, antes de fazer uma matéria na qual teria que expor minha maior fragilidade: meu peso. O engraçado – e, para mim, surpreendente – é que agora ficou fácil. Digo e repito com o maior orgulho, para quem quiser ouvir, que pesava 127 quilos e hoje estou com 80, quase descendo para a casa dos 70. Essa epopéia está na primeira VEJA RIO do ano, que traz a reportagem Diário de uma ex-gorda, título escolhido para batizar este blog.
Antes e Depois
Fotos de maio de 2012 e de dezembro de 2012
Se antes da publicação todos me questionavam se eu havia feito a cirurgia de redução do estômago, agora a pergunta que mais ouço é: “como você está se sentindo mais leve?”. Estou ótima, obrigada. Mas o que tem me deixado mais feliz não são os 47 quilos que deixei para trás. É saber que, de alguma forma, minha história está servindo de incentivo para outras pessoas.
Nas duas últimas semanas recebi centenas de mensagens. Muitas de amigos, me parabenizando pela conquista. Outras tantas de pessoas que nunca vi na vida. Pessoas que, assim como eu, têm ou tiveram problemas com seu peso. Reproduzo abaixo algumas dessas mensagens, preservando a identidade dos autores:
“Cheguei de viagem ontem e ao me deparar com sua reportagem, confesso que li super compenetrada e engajada. Cheguei às lágrimas em algumas passagens porque sei exatamente o quê você passou. Estou muito acima do peso há uns 8 anos e não consigo emagrecer, mas gostaria de te agradecer pela reportagem e pela força (que você desconhece) que está me dando , juro. Comecei hoje minha jornada!!”
“Obrigada pelo mega presente de fim de ano: motivação!!!!! Há um tempo atrás, me perguntava como as pessoas chegavam a pesar tanto. Descobri nesse ano!!!! Engordei 20 quilos em 12 meses. Daí nesses dois últimos meses, descobri que meu colesterol estava muito alto, tomei coragem e entrei numa academia. Levei 14 dias apenas para já começar a sabotação. Entendo bem os transtornos psíquicos causados, comportamentos inexplicáveis, vontade de ficar escondida o tempo inteiro. Hoje depois de ler a sua história, até me emocionei. Quero muito ir ao médico e fazer exercícios antes que complique mais a minha situação, na verdade se pudesse iria hj mesmo! Aliás toda a minha família ficou motivada!”
“Acabei de ler o Diário de uma ex-gorda. Senti uma sensação de alegria e de medo. Alegria por saber que você lutou muito por isso e conseguiu. E medo de tentar e não conseguir. Eu estou tãão feliz, é estranho sentir isso por alguém que a gente não conhece. É uma coisa absurda o que senti lendo a matéria. Parabéns pelo esforço! Grande trabalho! Eu vou tentar, vou tentar ir atrás desse esforço também. Tenho 21 anos, 1.65 de altura e estou pesando 110k. Sinto tudo o que você sentia ao chegar nos lugares… é tão triste. Triste demais! Eu preciso, quero e vou tentar chegar aos 70k. Feliz por você! Você virou meu espelho. De verdade.”
“Assim como você, já tive obesidade. Com 11 anos cheguei a 117 kg e sofri muito com isso. Com o tempo fui emagrecendo, mas nunca deixei de ser gorda. Ano passado, depois de voltar de um intercâmbio, resolvi emagrecer e perdi 17 kg. Continuo gordinha, mas lutando a cada dia pra ficar magra e me sentir bem. Nessa “luta” me acompanham 2 amigas. Sua história só nos fez criar mais forças para continuarmos a lutar. Muito obrigada e parabéns!!”
Relatos como esses me inspiraram a criar este blog, cuja ideia é compartilhar experiências, tentativas, desabafos e dicas. Quem quiser me acompanhar nesta difícil porém libertadora viagem, seja bem-vindo!
Tags: | | | | | Publicado em: Alimentação | Atividade Física | Dieta | Receita

Segunda semana

Hoje dia 14/01/2013 é a segunda semana da caminhada familiar. Acordamos às 7h30 e após ingerirmos apenas uma banana com aveia integral partimos para nossa caminhada. Hoje nem senti-me cansada, fizemos 1h10 e depois nos alongamos, ainda fiz alguns exercícios no canteiro central da Av.Bras Leme.

Essa semana é dia de pesagem.

Simbora caminhar minha gente, confesso que sinto-me bem melhor.

Boa semana a todos.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Recomeçando

Hoje estou retornando da grande saga no meu emagrecimento, agora vai ou vai, não posso mais perder tempo.

Chega de sedentarismo. Do dia 03/12/2012 pra cá não coloquei uma gota de refrigerante na boca, li uma reportagem que falava que para cada 1 copo de refri, são necessários 32 copos de água, então por enquanto tenho que só beber água, se pudesse me jogaria dentro de uma caixa d´agua de 1000l. rsrs

QUEM ESTÁ COMIGO NESSA BATALHA CONTRA OS QUILINHOS (QUILÕES) ?